14.9.05

36. Bibliografia

Além do livro de Austin, eu gostaria de recomendar os seguintes textos:
Barry Stroud, El escepticismo filosófico y su significacion, Fondo de Cultura Econômico, México, 1991. Stroud discute, entre outros temas, precisamente esses passos da argumentação cartesiana.
Christopher Hookway, Scepticism. Routledge, 1992. O terceiro e o quarto capítulos são sobre Descartes. Há uma seção destinada ao tópico das relações entre a dúvida cartesiana e as formas cotidianas da crítica às nossas crenças. Nesse capítulo Hookway introduz o tema das formas de “insulamento” das dúvidas filosóficas em relação à vida cotidiana. Ao que sei, esse texto é um dos poucos que faz um resumo desse fascinante tópico, o “insulamento”. Voltarei a esse ponto.

0 Comments:

Post a Comment

<< Home

ISP
ISP